domingo, 27 de setembro de 2015

Hoje A Entrevista É Em Dose Dupla Com As Blogueiras Zilda E Patrícia...DIVAS NO DIVÃ!

.A entrevista é longa com duas amigas, que  recentemente  fizeram uma linda parceria. E  com essa união quem ganha somos nós,já que as duas são excelentes poetisas. sugiro que você pegue um copo de suco e saboreiem devagar. 
Zilda Oliveira: 60 anos,viúva,um filho, reside em São Paulo,psicologia obstétrica, e terapia de adulto.
 Fez graduação, licenciatura plena em psicologia pela Faculdade Paulistana de Ciências e Letras e Especialização na Universidade Federal de São Paulo -UNIFESP.
E formação psicóloga, na Faculdade Paulistana em 1988
amiga de Patrícia já a algum tempo,e em um bate papo resolveram criar o DIVAS DA POESIA.
 E 
Patría Pinna:,moradora do Rio de Janeiro. solteira,um filho,46 anos.Possui dois outros blogs e a alguns dias formou a parceria com Zilda Oliveira, onde criarão outro blog extremamente interessante,já dito acima. Com profissães diferentes, no entanto existe, algo em comum entre elas,as duas são poetisas e  unirão o útil ao agradavel. 
Conheçam o mais novo espaço aqui na blogosfera,vocês irão amar. 
Clique no linkDIVAS DA POESIA
e vão lá dá um abraço nas blogueiras.
VAMOS AO CARA A CARA MESMO!!!
DIVÃ: Quais as características de um bom vendedor? 
Simpatia, conhecimento e convencimento
DIVÃ:Por que você está trabalhando com vendas 
Sempre gostei da área comerciária e o ramo da estética e beleza sempre atraiu-me, uma vez que lida com a autoestima do cliente. Ajudar a pessoa a ter amor própio através de cuidados com a saúde é fundamental. 
DIVÃ:Quais são as suas principais qualificações para a profissão? 
Garra, determinação e foco, além do conhecimento específico sobre os princípios ativos de cada produto e o que eles fazem e para o que servem.
DIVÃ: No seu trabalho de vendas, você se dá melhor "descobrindo" novos clientes, ou atendendo aqueles que você já tem? 
Descobrir novos cliente é sempre bom, interagir, propiciar a eles o conhecimento e uma nova chance de mudança, pois existem os que nem sabem o que a marca representa.
Fidelizar clientes é muito bom e importante também, pois um cliente conquistado sempre volta e fala suas dúvidas com você, logo, significa que tem empatia e confia no seu trabalho, na orientação segura que é dada. 
 DIVÃ:Você prefere vender produtos de menor ou maior valor? 
Prefiro vender o que é bom para o cliente sem importar o valor, o que de fato irá somar e ele necessitar. 
DIVÃ:Quais os aspectos da venda que você mais gosta? 
P.P A adrenalina, o movimento, o poder de persuasão, o conhecimento passado, o cliente atento e satisfeito com a orientação, explicação dada
DIVÃ:Qual a tarefa mais repetitiva de sua função? 
Não chamaria de repetitiva, tudo faz parte de uma rotina diária, desde a boa apresentação dos produtos, sua exposição, quanto o dinamismo necessário para vender.
DIVÃ:O que mais lhe chateia sobre a profissão de vendas? 
A ausência de movimento. Isso desmotiva. Sempre tento mudar esse quadro, ainda mais quando vejo a crise do País sendo a responsável por motivento em baixa.
DIVÃ:Dos treinamentos que você já participou, qual o que lhe trouxe mais benefícios? 
Todos. Participamos de palestras, provas mensais, a fim de angariarmos mais conhecimento.Seja com psicólogos,Hairstylists ou palestrantes de marketing. É um mundo maravilhoso, assim como a participação da Feira de Estética e Beleza anual que a marca patrocina e na qual eu trabalho. É conhecimento puro, são profissionais de todas as áreas desse mundo que encontram-se no mesmo lugar, assim, como clientes ávidos por novidades.
DIVÃ:O que você considera "um bom dia de trabalho"? 
Um cliente satisfeito, com a a autoestima elevada a partir do conhecimento informativo do produto. Quando existem as ações, seja de que tipo for, gerando movimento e brindes, seja na compra de produtos e aplicação gratuita ou em ações com locutor onde as vendas aumentam. 
Também é excelente quando faço esfoliação gratuita e deixando a pele do cliente realmente hidratada Um dia bom mesmo é ver a marca que eu represento sendo comercializada muito bem, procurada, respeitada e elogiada.
DIVÃ:Fale sobre uma venda que na prática estava perdida, e que você conseguiu virar. O que você fez para conseguir isso? 
Eu ignoro a concorrência, mas a respeito. Quando um cliente está procurando um produto concorrente, eu apresento-me a ele com ética e simpatia e começo a falar da minha marca trazendo-o para o meu ponto de venda desde que não tenha representante de outra marca ao meu lado e explicando os benefícios dos produtos sem sequer mencionar marca alheia. Daí, vendo. Mostro que a consistência do nosso produto gera economia e essa é uma medida inteligente, pois ganha-se mais do que o dobro do produto, por menos da metade do preço, sempre enfatizo isso, além da qualidade natural em seus princípios ativos, é claro. 
DIVÃ: Quando os clientes fazem você perder a cabeça? 
Não diria perder a cabeça, mas irrita-me profundamente quando querem inferiorizar a marca e isso,não permito.Mostro ao cliente que se a marca não fosse boa, não estaria sendo vendida em outros países também, tampouco divulgada em duas emissoras de renome.
DIVÃ: Como você reage quando fica abaixo da cota? 
Realmente triste, porque sempre bato as minhas metas e fico em primeiro lugar na equipe da qual faço parte. Quando um lojista não faz pedido e isso contribui para eu não bater a minha cota, chateia-me, é claro.
DIVÃ:O que você considera ser sua maior força? 
A minha interação com os clientes da forma mais simples possível. Uma abordagem segura e simpática, o conhecimento. Olho no olho. Não perco o foco!
DIVÃComo você se organiza para suas atividades do dia-a-dia?
Na realidade, quando acordo, falo com pessoas amigas no Whatsapp, que amo, não abro mão, relaxo com música, apronto-me,tomo o meu café e vou para o trabalho. Não tenho tantas coisas para preocupar-me em tarefas diárias, as que tenho, vou administrando como posso e deixo os fins de semana para isso ou algum dia específico da semana.
DIVÃ:Descreva um dia típico de trabalho seu. 
Deixo a minha gôndola bem apresentada, limpa, vejo se tudo está correto desde a validade dos produtos e layout e vou conquistando os clientes, não paro na perfumaria. Todos os setores têm de ser visitados por mim, assim,as chances de existir cliente comprador são maiores. Tem dia que faço locução apresentando os produtos da marca, coloco também o jingle da marca para atrair o cliente. Daí criei o bordão: "vamos vender, vamos vender, vamos vender"
DIVÃ:Para que tipo de pessoas você gosta de vender? Para quais não gosta? 
Gosto de vender para as pessoas que respeitam a marca, querem mudança, entendem que preço é diferente de valor.Não gosto de vender para pessoas que transmitem um ar de superioridade, não gosto disso. Daí, eu tento mudar esse quadro arrogante com a minha educação.
DIVÃ:Como seu chefe consegue extrair o máximo de você? 
Através do reconhecimento da minha capacidade, incentivo e equipamentos para eu trabalhar de uma forma mais completa, como quando ele deu o material para eu fazer a esfoliação e está agora providenciando a máquina de análise capilar. Quando acredita em mim e respeita o meu trabalho.
DIVÃ: O porquê do nome de seu novo blog de poesia em parceria com Zilda Oliveira, chamar-se "Divas Da Poesia"?
Na realidade, esse nome surgiu como uma brincadeira, estava conversando com a Zilda na nossa primeira criação, daí disse que seria muito bom se fizéssemos um blog em parceria e surgiu o nome na minha mente, disse a ela, gostou e ficou.
Se tem diva para tudo, por que não para a poesia?
Pensei que poderiam nos achar pessoas esnobes, ela disse que não, que éramos e somos divas por merecimento, naturalmente, rs.
Lembro a todos que somos pessoas muito simples,nada estrelas.
SEGUNDA PARTE COM ZILDA DE OLIVEIRA:
DIVÃ:Poderia nos contar um pouco de sua história? Por que e quando a escolha pela psicologia?
Sou natural da cidade de São Paulo, capital. Sou filha de pai comerciante e mãe do lar. Sou filha única e tenho um irmão mais novo. 
Minha trajetória acadêmica começou fazendo o curso de Administração de Empresa. Cursei durante três anos, tranquei a matrícula para casar e desisti do curso. 
Tive meu filho e três anos depois tive um aborto espontâneo. Queria respostas do porquês do que aconteceu-me e três meses depois do ocorrido, prestei o vestibular para Psicologia e passei. 
Cursei na Faculdade Paulistana de Ciências e Letras formando-me em 1988, recebendo o diploma de Graduação em Psicologia, de Licenciatura Plena em Psicologia e de Formação de Psicóloga em Terapia de Adulto e de Ludoterapia (terapia de criança ). 
Fiz especialização em Psicoprofilaxia da Gestação, Parto e Puerpério - hoje recebe o nome de Psicologia Obstétrica - na Universidade Federal de São Paulo,  UNIFESP. Recebi o certificado de Especialista em Psicologia Obstétrica em 2005. 
Tenho trabalho apresentado em Congressos. 
Realizei muitos trabalhos voluntários na área atendendo como psicóloga de adulto em instituições que atendem pessoas carentes desde 1989. Trabalho este que realizo com prazer e dedicação.
Trabalhei como liberal em consultório particular e em hospital. 
Tenho poemas publicados no livro Inspiração  em Verso II - Antologia.
DIVÃ:Muitas pessoas podem pensar que, por ser o nascimento um momento de alegria, não haveria motivos para se procurar um psicólogo. O que você pensa disso?
Vou referir-me aqui ao casal gestante, porque as transformações emocionais não ocorrem só  na mulher mas no casal. 
Na gestante a transformação são maiores, porquê ocorrem transformações biopsicofisicas. 
A importância de atender o casal é de prepara-los para a maternagem e paternagem. A gestante é informada sobre todas as transformaçoes que ocorrerá em seu fisico, hormônios e psique, informações sobre o parto.  O objetivo é final é  prevenir a depressão pós  parto e a psicose puerperal. 
Seria ótimo se todos os casais gestantes pudessem serem atendidos durante este período e não quando há alguma complicação.
DIVÃ:E pode nos dar alguns exemplos das razões para se procurar e dos benefícios?
A gravidez em si, exige cuidados e preparação porque é  um período de transformações, como: Na gravidez normal, na gravidez de risco, na gravidez onde detecta-se que o bebê nascerá com mal formação fetal,  no caso de aborto.
Os benefícios são os mesmos, pois quando o casal gestante é  informado e conscientizado de tudo que vai e que pode acontecer no período gestacional e puerperal, ameniza a ansiedade e a angústia e eles conseguem lidar melhor com a nova situação. 
No caso de mal formação do feto o casal fica ciente do que vão enfrentar e em casos mais graves, são preparados para a possibilidade da perda. Se ocorre de ter um nati-morto ou logo após o nascimento falecer trabalha-se o luto. 
No caso de aborto trabalha-se os sentimentos envolvidos para que numa próxima gestação decorra normal.

DIVÃ: Você e  Patrícia  Pinna recentemente fizeram uma parceria,criaram um blog juntas extremamente interessante,como vocês tiverão esta ideia?
Esta idéia, surgiu de uma conversa, pois falávamos sobre o comportamento humano e no afã da mesma comentei que o tema dava poesia e Patrícia falou de fazermos um blog em parceria. Sempre resisti em fazer um blog próprio, mas Patrícia me convenceu! 
"Nascendo" assim o nosso blog Divas da Poesia Naturalmente.
DIVÃ: Porque você nunca teve  blog antes e Porque o nome Divas da poesia?
Por uma razão pessoal, nunca preocupei-me em ter um blog. Você sabe que um blog a gente tem que cuidar, ter tempo e disponibilidade,  e eu não tinha espaço na minha vida para isso. 
Quem entende de blog é  a Patrícia, eu estou aprendendo... Sou marinheira de primeira viagem na arte dos blogs. Minha parceira Patricia terá que ter um pouco de paciência comigo. 
Mas em tratando de fazer poesias ela flui e nós trabalhamos juntas o poema.
DIVÃ:As poesias que vocês postam são inspirações suas e dela,ou só sua ou só dela?
A poesia é construída. Damos um tema, Patrícia faz uma poesia eu outra e,  depois unimos os poemas construindo de forma harmônica e de comum acordo a poesia das Divas
DIVÃ: Alguns psicólogos têm receio de acabarem se limitando demais.Como isto está funcionando para você?
Eu não vejo limitação no campo da psicologia, porque onde há ser humano, cabe o trabalho do psicólogo. 
Agora, cada psicólogo tem preferência e se identifica com uma área e com determinado grupo de população. No meu caso, como já deixei claro acima a área que atuo. Pacientes sempre tem para se trabalhar, basta ter força de vontade e ir atrás do que se quer conseguir. Fácil não é... tem muitos obstáculos, mas cabe a nós sabermos qual o nosso objetivo. 
Eu no momento estou  aposentando-me. Mas tenho projetos para desenvolver só  que em outro campo... de Escritora. Espero conseguir.
DIVÃ: Em sua opinião, quais as maiores barreiras para o sucesso dos psicólogos hoje? Formação? Ideologias? Alguma outra questão que você identifica?
O sucesso em qualquer área é  uma questão delicada, porquê depende do profissional, do que pretende alcançar e qual é  o significado de sucesso para ele. 
Quanto às barreiras são inúmeras, começando pelo nosso nível de ensino do fundamental até chegar a faculdade, onde se espera que se tenha professores com conteúdo para ministrar os ensinamentos. A ideologia, afeta até  certo ponto, onde o profissional tem que se adaptar ao local onde for trabalhar. 
O momento político e econômico do país também interferem seja se o psicólogo está em empresa privada, autarquias ou é  liberal. 
DIVÃ: Que recado você daria para os psicólogos que estão desanimados com a carreira e não conseguem enxergar uma saída?
Sempre tem uma saída. Para se trabalhar na área  tem que ir atrás do que quer,  estudar muito e sempre,  e ter claro que nada é  fácil. 
A cima eu descrevi meu percurso e para chegar com o Curriculum que tenho hoje... tive que vencer inúmeras barreiras. 
Hoje posso dizer que sou uma pessoa vencedora e de sucesso, não porque consegui uma ótima estabilidade profissional, mas sim,  porque em momento algum desisti de minha vontade de superar a mim mesma e minhas limitações!
Considerações Finais
Agradeço a você, Célia pelo convite para participar dessa entrevista e aos leitores que nos acompanham com sua lealdade costumeira.
Tenham todos uma excelente semana de paz.
Tudo de bom.
Beijos na alma!!!!!!!!!!
Patrícia Pinna e Zilda Oliveira
ATÉ A PRÓXIMA DEITADA_ ENQUANTO ISSO RELAXEM!!!

44 comentários:

  1. Bom dia,Célia. Adorei ter participado dessa entrevista maravilhosa onde as perguntas foram muito bem elaboradas por você.
    Gostei de ter respondido a cada uma delas.
    Não foram perguntas repetitivas, ao contrário, bem inteligentes.
    Só posso parabenizar você por esse convite e iniciativa tão gratificante de fazer com que as pessoas tornem-se mais conhecidas na Blogosfera, assim como seus trabalhos quer seja na poesia ou não.
    Tem muita gente boa que sequer imaginamos existir, no entanto, através do Divã temos a possibilidade de conhecê-las.
    Amei ter participado com a Zilda Oliveira,amiga generosa e poeta de talento.
    Obrigada por divulgar nosso novo espaço de poesias.
    Célia, você é uma amiga que amo, de coração,és luz.
    Desejo o melhor para ti, sempre!
    Grata por tudo!
    Tenha uma semana de paz.
    Beijos na alma!

    ResponderExcluir
  2. Sempre bom conhecer um pouco de cada pessoa desta nossa grande família da blogosfera.A Patricia já conhecia na poesia e agora conhecendo um pouco de sua área de atuação onde se mostra focada e com dedicação. A Zilda venho conhecer nesta parceria com a Patricia na formação do blog, que está bonito com bela proposta. A entrevista bem interessante buscando extrair o máximo de cada entrevistado no que faz e no que pensa dentro da especialidade.
    Parabéns Célia e outros possam passar por aqui para a gente conhecer melhor.
    Uma boa e bela semana a você.
    Carinhoso abraço.
    Bju de paz.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia, Célia!
    Agradeço o convite para participar de seu Divã, que permite nos apresentarmos e dizer ao público quem somos e o que fazemos.
    Adorei a forma e o conteúdo que elaborou as questões para nos apresentar.
    Esta sua ideia de dirigir às perguntas dentro da nossa profissão, permite também divulgarmos o lado profissional em que atuamos.
    Este seu espaço permite divulgar como começou o blog das Divas da Poesia Naturalmente de forma simples e sucinta.
    Parabenizo-a pela divulgação e por este seu lindo blog que Patrícia Pinna e eu temos o prazer de seguir e participar.
    Obrigada pelo carinho e amizade com que nos receberam neste gostoso e aconchegante papo de amizade e poesias.
    Desejo a você sucesso sempre e uma semana abençoada e de vitórias.
    Beijo no coração.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia a todos!
    Amei a entrevista,vc elaborou muito bem as perguntas.
    Não poderia ser melhor e nem menor,já que são duas excelentes profissionais.Parabéns a elas pelas respostas,a Patrícia que já a conhecia e fiquei conhecendo um bocadinho mais,e a Zilda que acabamos de conhecer e desejo a ela que sejas bem vinda nesse mundo virtual a blogosfera.
    Obrigada por dividir conosco pedacinhos de suas vidas,de suas histórias.
    Convido ocês duas a irem visitar o meu castelo que quase ñ conseguir entrar hoje de tanta poeira rsrsrs,mas agora esta limpinho.
    Bjsss

    ResponderExcluir
  5. oi
    adorei a entrevista :D
    ficou maravilhosa ;)
    bjo

    ResponderExcluir
  6. Amo suas entrevistas,
    quem sabe um dia estarei nesse divã? Bjos!

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pela entrevistas, são 2 divas maravilhosas, bom saber um pouco delas, Célia beijos.

    ResponderExcluir
  8. O que eu posso dizer?
    A Patrícia eu já conheço suas poesias que devo dizer são lindas ... O novo blog ainda não tive a oportunidade de ir visitar mesmo porque só fiquei sabendo agora ..
    Gostei de conhecer as duas um pouco mais, em breve visitarei seu novo blog!
    Parabéns Célia pela grande entrevista, as perguntas como sempre são pertinentes e nada invasivas, você é ótima em tud que faz.

    E parabéns as entrevistas com suas respostas coesas.

    Bjos
    Minda

    ResponderExcluir
  9. Olá, querida Célia
    Vc está indo muito bem na amizade com o pessoal dos blogs e dando muito incentivo a todos... seja em que área atue ou que tipo de blog goste...
    As perguntas foram muto bem respondidas pelas amigas entrevistadas...
    Gostei muto de ler cada resposta com calma...
    O blog das meninas vai dar muito certo, se Deus quiser!
    São amigas de alma...
    Também tenho um em parceira e conosco acontece o mesmo... Vale a pena!
    Bjm fraterno

    ResponderExcluir
  10. Adorei a entrevista, ainda não conhecia vocês e foi muito bom saber um pouquinho de todos!! sucesso pra vocês.
    Bjs
    www.bigmundoinfantil.com

    ResponderExcluir
  11. amei a entrevista, foram boas respostas.

    beijinhos
    http://falaseriorah.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Nossa entrevista contagiante querida as duas são maravilhosas, seu blog também é um arraso.

    www.studiocriativoarteemeva.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Muito boa a entrevista! Acho lindo parcerias entre blogueiras principalmente poesia ai fica um arraso!
    um beijo
    www.suellencarvalho.com

    ResponderExcluir
  14. Parabéns Célia que outras possam passar por aqui para a gente conhecer melhor cada uma.bjs

    ResponderExcluir
  15. nossa meus parabens pela entrevista
    muito legal participar de treinamentos sempre, achoq ue todo conhecimento nunca é demais e sempre ajuda em algo algum dia
    bjs
    http://clubedabelezaemaquiagem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Amei conhecer essas divas que arrasam como pessoa e profissionalmente. As perguntas bem elaboradas como sempre...

    ResponderExcluir
  17. Gostei muito deste momento ,conhecer um pouco mais das entrevistadas é sempre bom ,muito bom parabéns ,muitos beijinhos felicidades.

    ResponderExcluir
  18. Boa noite, amigas lindas! Todas vocês! Divas do espaço virtual! Parabéns a entrevistadora e as entrevistadas! Beijo carinhoso, amigas queridas, Célia, Zilda e Patrícia! Muita luz, paz, amor e sucesso! Sempre! Vocês merecem! Que Deus abençoe vocês!

    ResponderExcluir
  19. Muito legal a entrevista, só acho que deveria ter divido em dois post pra não ficar tão longo e cansativo, gostei de conhecer as duas. bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rosiane,tbm achei longo,mas são as resposta que foram longas ,por isso que sugerir que tomassem um suco.
      Talvez eu pudesse ter tirado algumas perguntas,mas não dividir o post,porque cada domingo será uma blogueira nova,e como elas são parceiras...
      Prometo que a próxima dupla será diferente.
      Bjsss obrigada pela opinião e sinceridade.

      Excluir
    2. Discordo, Célia. Se você quisesse respostas evasivas não teria feito perguntas elaboradas.
      Quem não gosta da extensão, que não leia, simples assim.
      Eu também me canso um pouco, mas quando vale a pena, leio.
      Você deve fazer o que achar melhor.
      Tenha um mês de paz.
      Beijos na alma, Célia.

      Excluir
  20. A entrevista ficou super bacana. Parabéns ♥
    beijoooos :)
    www.jessicacardosoblog.com

    ResponderExcluir
  21. Aiaia uma coisa quenão tenho de vendedor é o poder convencimento, e não gosto tambem quando um cliente inferiorisa a marca ou trabalho que fazemos. Soubem assim como ela, sem o poder do covenciimento claro rsrsrsr
    ✡✡Blog Com Mãos de seda ✡✡
    ✡✡Fan Page do Blog✡✡
    ✡✡Participem de nosso Grupo✡✡

    ResponderExcluir
  22. Gostei muito das entrevistas, bem completas.
    Não conhecia nenhuma das duas, mas gostei do que elas disseram.
    Adorei seu divã.

    Ruiva Amarga

    ResponderExcluir
  23. Está sendo bem legal esse divã Célia, pois estamos conhecendo mais as pessoas e isso é bem legal, sem dúvidas

    Beijos
    Rafael

    ResponderExcluir
  24. Que legal a ideia deste gênero de post..
    Muito legal e criativo a ideia ..Beijos ❤
    www.coisasdealisprick.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. ooi, gostei muito da entrevista ... Beiijos sucesso

    ResponderExcluir
  26. Divas no Divã... Adorei a entrevista. Blog bonito, hein, Celia? Bem caprichadinho. Pois bem, ao comentário... Excelentes historias e trajetórias de vidas, focadas nas experiências profissionais de Zélia e Patrícia. Patrícia, que garra, hein? Tu vestes realmente a camisa! Dá gosto saber do teu dia a dia, tua dinâmica, tua praticidade nas tuas atividades profissional. Legal saber de alguém satisfeita assim no que faz, é difícil, hein? . Mergulhar de cabeça com tanto entusiasmo, graças a Deus, numa atividade e ter o retorno, reconhecimento motivador. Tanto profissionalismo e seriedade com o cliente, que antes de tudo é um ser humano sequioso dos cuidados com o corpo, buscando maior qualidade de vida, porque tudo é um conjunto, exterior e interior se completam num todo harmônico. Vaidade é um bom sinal, desde que moderada logicamente, indicativo de que tudo vai bem por dentro. Que estamos emanando luz por todos os poros, realçados por pós, esmaltes, perfumes e toda uma tecnologia a serviço da beleza, do bem estar. Gostei meninas. Beijos!

    ResponderExcluir
  27. A entrevista ficou muito boa, gostei de conhecer sobre as duas

    ResponderExcluir
  28. Parabéns pela entrevista em dose dupla , ótima e bem elaborada ,bjs
    pedacinhosderetalhoseli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  29. Amei a entrevista!! Muito bom saber desse blog que vai surgir com essas lindezas!! Bjs
    www.variedadefeminina.com

    ResponderExcluir
  30. Parabens gostei das perguntas e das respostas amei entrevista dupla uhuhuh arrasou

    ResponderExcluir
  31. Que fofas que são
    amei saber um pouco mais delas
    bjs

    ResponderExcluir
  32. Muito boa a entrevista, gostei de conhecê-las melhor :D

    ResponderExcluir
  33. Amei a entrevista é sempre bom conhecer um pouco mais das blogueiras!


    www.fikesperta.com

    ResponderExcluir
  34. Olá Célia
    Com sempre impecável. Eu não conheço as blogueiras mas já quero conhecer. Esse mundo da blogosfera é muito gratificante...como fiz amizades que me são muito queridas, assim como você e como aprendi!
    Um abraço em vc nas entrevistadas e em todos os visitantes.
    Ótima semana e paz!
    Sandra May

    ResponderExcluir
  35. A entrevista ficou ótima. É sempre bom conhecer um pouco mais nossas amigas blogueiras. As vezes acessamos o blog todos os dias, mas não sabemos qual sua comida preferida, e entrevista é uma ótima opção. Beijos, Érika

    ~www.queroseralice.com.br~

    ResponderExcluir
  36. A entrevista ficou ótima. É sempre bom conhecer um pouco mais nossas amigas blogueiras. As vezes acessamos o blog todos os dias, mas não sabemos qual sua comida preferida, e entrevista é uma ótima opção. Beijos, Érika

    ~www.queroseralice.com.br~

    ResponderExcluir
  37. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho.Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns, decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.
    http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  38. Muito boa a entrevista, com as duas.
    É legal quando lemos que não há nada que cai do céu - todos os setores, em todas as profissões, exigem dedicação, exige o "ir à luta", o esforço diário.
    Acho que um dos campos mais difíceis para trabalhar é o de vendas (principalmente pra mim, que não sei chegar nas pessoas), ainda mais com um país em crise e admiro quem tira seu sustento dessa profissão e arranja motivação diariamente.
    O ramo de psicologia evoluiu muito. Posso dizer que eu era uma das que não entendia nada da área e até achava "supérflua" por problemas acontecidos na minha família. Mas conversando com uma amiga que mantinha consultas regulares com um psicólogo, mudei minha visão e entendi o trabalho desses profissionais.
    As duas meninas estão de parabéns por nunca desistirem e serem verdadeiras divas, não só na poesia, mas no dia-a-dia.
    Abraços esmagadores e ótima tarde pra vocês.

    ResponderExcluir


Estresse estraga a pele. Então deitem no divã comigo e evitem o estrago!

Tome cuidado apenas consigo mesmo. Nossos piores inimigos estão dentro de nós! (Charles Spurgeon)